Mágica (fotopoema)

Último fotopoema de 2017! É um antigo, de 2014, mas escolhi a dedo para publicar hoje.

Este foi um dos anos mais fantásticos da minha vida – e um dos mais difíceis tb. Talvez as duas coisas estejam conectadas…

Coisas bacanas que fiz nos últimos 12 meses: casei, comecei a desenhar na mesa digitalizadora, criei os quadrinhos marotos, escrevi um monte, participei de três antologias (inclusive uma de poesia, uma novidade para mim), saí de um emprego (que me fez feliz no passado, mas que já não tinha nada a ver comigo), comecei um novo e muito bacana (e realizei o antigo sonho de home office), dei muuuuitas aulas, revisei um livro, fiz trabalhos legais de tradução, comecei minha segunda pós, segui firme na faculdade de Letras (passei incontáveis finais de semana estudando literalmente da manhã à noite, mas valeu a pena), comemorei meu aniversário no show do Elton John e do James Taylor, vi a Dulce Maria bem de pertinho, fui no show do Paul McCartney, fui a Nova York (onde estudei, vi o musical Waitress e revi pessoas e lugares muuuuuito especiais), fui a Buenos Aires, vi filmes maravilhosos (Logan e The Last Jedi entraram para a lista de filmes da minha vida), vi séries incríveis (como Stranger Things), li livros fascinantes (como La casa de los espíritus e Como água para chocolate) e voltei a nadar depois de quase duas décadas.

Espero que para vocês também tenha sido lindo e desafiador, e que 2018 seja melhor ainda!

 

 

Categorias: Fotopoemas

Deixe uma resposta